Caiu o Pano! A primeira sombra se revela!

Caros Gladiadores, boa tarde!

É com grande prazer que venho lhes comunicar que a primeira sombra, “a que veio do céu” está estreando hoje aqui no Arena! Este grande colaborador, amigo e escritor, vem somar forças e ajudar a expandir as fronteiras do nosso site que, nesse caso, vão ultrapassar o “infinito e o além”! Aproveitem o novo espaço Sci-Fi do Arena e fiquem por dentro de tudo o que esta rolando no mundo da ficção científica. Um grande abraço e divirtam-se!

Will.

Mulheres no Poder

Olá, amigos! Hoje estreio minha coluna “Arena Galáctica”, onde estarei com vocês falando um pouco sobre “ficção científica”, seja na literatura, no cinema ou nas séries de TV. E abrindo a coluna com esse nome sugestivo, falarei de uma das minhas séries preferidas:

Se você ainda não viu a série Battlestar Galactica, definitivamente não sabe o que está perdendo.

Em minha modesta opinião é sem dúvida uma das melhores séries de Ficção Científica dos últimos tempos. E aproveitando a onda da recém-eleita Primeira Mulher Presidente do Brasil, eu não poderia deixar de falar de um dos atrativos desta série: as mulheres.

Definitivamente alguns dos melhores personagens da série são mulheres.

Por décadas as mulheres ficaram restritas a personagens coadjuvantes na ficção científica, ou mesmo a breves figurações. Isso quando não apareciam apenas para sexualizar a trama. Ora eram a mocinha indefesa prestes a ser devorada pelo monstro alienígena, ora era o par romântico do herói, ora a comparsa do vilão principal, sempre disposta a seduzir o mocinho para despistá-lo dos planos malignos que corriam a solta. No final, os homens sempre reinavam.

As beldades de Battlestar Galactica

As beldades de Battlestar Galactica

Isso não acontece em Battlestar Galactica, onde as mulheres, além de possuírem sim papéis de grande relevância na série, mexem com a libido e a imaginação masculina, que parece não aceitar mais a mocinha indefesa, e preferir agora a mulher valente e destemida.

Onde estão as mulheres de hoje na ficção científica?

Este artigo é em homenagem às beldades da série, que, independente do seu gosto quanto a mulheres (sejam loiras, morenas ou ruivas), são personagens fortes, de grande relevância e que nós, pobres fãs masculinos, adoramos!

As personagens são várias, mas resolvi destacar primeiramente as quatro mais: Starbuck, Caprica Six, Sharon Valerii e D’Anna Biers (interpretadas respectivamente por Katee Sackhoff, Tricia Helfer, Grace Park e Lucy Lawless). Confiram:

Katee Sackhoff interpreta Starbuck

Katee Sackhoff interpreta Starbuck

Kara “Starbuck” Thrace – Aquela que um dia foi malhada por ser mulher. Sim! Isso mesmo! Para os mais desavisados, a personagem Starbuck na série original de 1978 era um homem! Os fãs tradicionais não perdoaram. Criticaram com fervor o fato de terem mudado o sexo da personagem. Eu sinceramente até gostava do velho Starbuck, mas a nova roupagem que deram nessa nova versão não deixou a desejar. Kara Thrace realmente mostrou a que veio. E, para mim, é a personagem feminina mais forte da série.

Falemos agora das cylons… Os robôs humaniformes de Battlestar Galactica (ou direi: roboas! hehehe! Trocadilho infame, não?)

A ex-modelo Tricia Helfer interpreta Caprica Six

A ex-modelo Tricia Helfer interpreta Caprica Six

Number Six – Existem muitas versões diferentes da Six no seriado. Mas evidentemente a que mais se destaca é a Caprica Six. Loira fogosa que atormenta os sonhos (ou visões) do pobre cientista Caius Baltar. Para os marmanjos que são fãs do seriado, que jogue a primeira pedra quem nunca quis estar no lugar do Baltar quando a Six, com aquele vestidinho vermelho, se atira sobre ele.

Grace Park interpreta Sharon Valerii

Grace Park interpreta Sharon Valerii

Sharon Valerii – Athena / Boomer – Conhecida também como a Number Eight, essa japinha tem presença na série, hein? Garota de corpinho mignon, Sharon se destaca pela valentia e a sensibilidade, pontos fortes da personagem.

A atriz e cantora Lucy Lawless interpreta D’Anna Biers

A atriz e cantora Lucy Lawless interpreta D’Anna Biers

D’Anna Biers – Essa é conhecida do publico que curte FC e Fantasia. Não faz muito tempo a atriz Lucy Lawless estrelou a série Xena, fazendo o papel da protagonista, e, ao aparecer em BSG, matou as saudades dos fãs da velha Xena. Conhecida em BSG como a Number Three, ela é a mais forte e geniosa das cylons. Mulher de fibra e determinação, é uma personagem que, embora não tenha tanta frequência na série como as Six e as Sharons, quando aparece marca presença. Recentemente a atriz interpretou a personagem Lucretia (Lucrécia) na série do gladiador romano “Spartacus: Blood and Sand” (recomendadíssima!)

Há também duas mulheres fortes que não poderíamos deixar de falar:

Almirante Helena Cain

Almirante Helena Cain

Almirante Helena Cain, interpretada pela atriz Michelle Forbes, é uma atraente mulher, comandante da Battlestar Pegasus. Suas atitudes violentas e determinadas causaram muitos problemas para o pessoal da Galactica e a frota civil. “Autoridade” era seu nome, e não tinha homem macho o suficiente para dobrar essa mulher de fibra. Ótimo personagem, muito bem interpretado. Recentemente a atriz interpretou a personagem demoníaca Maryann Forrester, na série vampírica “True Blood”.

Presidente Laura Roslin

Presidente Laura Roslin

Laura Roslin, interpretada por Mary McDonnell, é a mulher que foi Secretária da Educação do então Presidente Adar. Antes de ir à Battlestar Galactica para participar da cerimônia de aposentadoria da nave, ela foi diagnosticada como portadora de câncer de mama. Mesmo assim, ela foi à Galactica para a cerimônia de aposentadoria e estava fazendo o seu caminho de volta quando os ataques cylons começaram. Foi então comunicada que ela, a quadragésima terceira na linha de sucessão da Presidência das Doze Colônias do Homem, era agora a primeira (e possivelmente a única). Empossada no cargo por uma sacerdotisa (outra mulher!) tornou-se a nova presidente. Uma mulher de pulso firme, cuja determinação superou o próprio medo pelo câncer em grande parte das ocasiões. Ela estava determinada a levar seu povo para a Terra (a Décima Terceira Colônia). É a Dilma Rouseff dos coloniais! Huahuahua!

Um conselho: assista a série! Vale a pena verificar que a mulher na ficção científica pode ser muito mais do que uma figurante, ou um mero par romântico para o personagem principal.

Vida longa às mulheres na Ficção Científica! Além de serem colírio para nossos olhos, sem sua presença as histórias seriam sem graça.

HUGO VERA
Publicitário e Escritor
de Ficção Científica
www.hugovera.com.br

Anúncios

3 respostas em “Caiu o Pano! A primeira sombra se revela!

  1. Adorei a Matéria Hugo! ainda mais por falar sobre as mulheres deste seriado que muitos admiram. Realmente até eu fiquei chateado com o starbock ser mulher mas é porque eu gostava muito do seriado antigo.
    Alias um grande forte da ficção são mesmo as mulheres.Barbarella, Vampirella, Ripley (aliens) e centenas de garotas incriveis que participaram de muitos filmes de ficção. Espero que você continue sempre a nos presentear com as magnificas beldades da ficção!
    Grande abraço e parabéns pela matéria!

    Adriano Siqueira

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s